Foto
16/06/2017
SINDICATOS (o povo) e CENTRAIS CONVOCAM NOVA MOBILIZAÇÃO PARA O DIA 30 DE JUNHO

As centrais sindicais ( Cut, Força, UGT, CTB, Nova Central, CGTB, Intersindical, CSB - Conlutas e A Pública Central do Servidor), convocam todas as sua bases para o calendário de luta e indicam uma nova Greve Geral dia 30 de junho.

As centrais sindicais irão colocar força total na mobilização da greve em defesa dos direitos sociais e trabalhistas.

A paralização nacional foi aprovada no último dia 5 de junho. Essa mobilização é crucial neste momento em que, mesmo diante da grave crise politica e institucional, com ilegitimidade de um governo, cada vez mais escancarada, os trabalhadores sofrem um ataque brutal nos seus direitos trabalhistas e previdenciários.

Segue-se um atropelo no Congresso Nacional, junto às Comissões de Assuntos Sociais e Constitucional, onde Deputados e Senadores governistas, não escutam nenhum argumento em prol dos trabalhadores.

O relator do processo, tampouco aceita alterações ao texto e recusou mais de 200 emendas sugeridas nas comissões, tudo para acelerar a aprovação e evitar que o projeto tenha de voltar à Câmara, onde ele teve inicio e provado em tempo recorde.

Dia 30 de junho, Mobilização Nacional.

 

 

 

 

Últimas Notícias
Notícia
14/08/2017

População parece anestesiada diante da gravidade que foi a aprovação da Reforma Trabalhista.

Notícia
10/08/2017

O STTHFI parabeniza a todos por esse dia.

Notícia
09/08/2017

A rejeição aumenta para 63% na região Nordeste e vai a 57% no Sudeste. Fica na média no Centro-Oeste/Norte e cai para 48% na região Sul. É um pouco maior entre homens (58%) do que mulheres (56%),

Notícia
08/08/2017

Para a advogada Cristiane Saredo, do escritório Vieira e Vieira Consultoria e Assessoria Jurídica Previdenciária, a decisão abre precedentes para que outros aposentados que estão no mercado de trabalho peçam a suspensão do desconto do INSS na Justiça.

Notícia
03/08/2017

Segundo o jornal ESTADÃO, (Estado de SP), somente em 2015, tinham fechadas 1,8 milhão de empresas e até abril de 2016, outras 266,7 mil empresas fecharam.