Foto
16/10/2018
EMPREGADOS DE IMOBILIÁRIAS DE FOZ DO IGUAÇU.

ATENÇÃO EMPREGADOS DE IMOBILIARIAS DE FOZ DO IGUAÇU.

 Neste mês de Outubro/2018, você vai receber o seu salario reajustado e as diferenças dos meses de, Maio, Junho, Julho, Agosto e Setembro/2018.

 Exemplo sobre o menor salário:

 

Piso a partir de 1º de Maio/2018.............................R$36,35 X 5 = R$181,75

 Você ainda tem direito a:

  1. Anuênio de 1% (um por cento) sobre o salario;
  2. Ticket alimentação, empregada/mãe tem direito a 1 (uma) hora por pariodo de trabalho (diário) para amamentar seu filho;
  3. Empregada grávida, estabilidade desde o inicio da gravidez, até 60 dias após licença previdenciária;
  4. Vale Transporte, empresa pode descontar apenas 3% (três por cento) do seu salario;
  5. Seguro de vida de R$42.000,00 por morte ou invalidez;
  6. Uniforme, até 3 (três) por ano, totalmente gratuito.
     

Estes são alguns dos seus direitos a partir de 1º de maio/2018, dentre outros.

Caso não esteja recebendo os benefícios acima ou, não entendeu, quais são seus direitos, procure o STTHFI, ligue para (45) 3523 1155 ou mande um e-mail para sindicatofoz@stthfi.com.br

Convenção Completa no www.stthfi.com.br

Últimas Notícias
Notícia
22/05/2019

Simulação apresentada no Senado pela Unafisco prevê que taxa dos bancos aumenta a cada ano, podendo chegar a mais de 77%

Notícia
16/05/2019

“Conheça quem te representa” é o convite feito no mês dedicado à conscientização da importância das boas práticas sindicais, o Maio Lilás

Notícia
08/05/2019

A propaganda tentará convencer a população de que a reforma da Previdência "promoverá justiça social e ampliará a capacidade de investimentos do país, com geração de emprego".

Notícia
03/05/2019

Segundo a jurisprudência do TST, a atividade se enquadra na regra que trata da insalubridade decorrente do contato com agentes biológicos.

Notícia
26/04/2019

O Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socio-ecômicos (Dieese) lança, nesta quinta-feira (25), novo indicador, como parte das atividades do 1º de Maio das centrais sindicais.